Dê um Start na sua publicação

Soluções editoriais para empreendedores, artistas e escritores

or

EDITORA E AGÊNCIA DE CONTEÚDO

Produzimos e publicamos conteúdo para ler, ver, compartilhar e interagir

A Web Startup é uma editora que oferece soluções completas de comunicação, elaboração de projetos, assessoria de imprensa, geração e gestão de conteúdo, design gráfico, desenvolvimento web e marketing digital.

O que é preciso para começar

Antes de falar com um editor, é necessário tomar certas precauções e respeitar algumas normas:

1

PRIMEIRA ETAPA

Leitura Crítica

Visa detectar e identificar problemas de redação, possibilidades de erros de interpretação, estruturais, entre outros aspectos…

CONTRATAR
2

SEGUNDA ETAPA

Revisão

Revisões ortográfica, gramatical, estilística da obra adequadas às normas editoriais, quanto à padronização tipologia…

CONTRATAR
3

TERCEIRA ETAPA

Copy Desk

Não é mais do que possíveis modificações que visam facilitar a leitura sem que isso modifique a essência do texto e da obra como um todo…

CONTRATAR
4

QUARTA ETAPA

Preparação

É a formatação do texto como ele deverá ser publicado. Trata-se da editoração, diagramação, tipografia e a capa do livro…

CONTRATAR

Foi dada a largada!

Adiante a passada com os planos e pacotes de serviços da Web Startup

SAIBA MAIS

Procedimentos para publicação

Informações Gerais

O Autor, especialmente o estreante, deve informar à Editora as características de seu livro, o gênero literário e, ao menos aproximadamente, o tamanho da obra.

Em contrapartida a Editora deve informar ao Autor se essas características se enquadram no mercado editorial e, se por acaso tal não ocorrer, informar o que fazer para enquadrar a obra nos parâmetros habituais do referido mercado.

Assim por exemplo, os livros mais fáceis de comercializar são os que têm até 160 páginas e dimensões 14 cm x 21 cm. Dessa maneira, deve ser desaconselhada a edição de um livro em formato 16 cm x 23 cm que tenha 224 páginas.

Além disso, o Autor deve informar o gênero literário que pretende explorar em sua obra e a Editora deverá informar a aceitação média do público com relação a esse gênero. O mesmo se diga sobre ilustrações de miolo, sobre páginas coloridas e tipo de capa.

Sobre os Originais

O Autor deve enviar à Editora, os originais da obra que pretende fazer publicar para que se possa proceder à sua leitura e à avaliação da mesma

Registros oficiais da obra

Tão logo a Editora receba os originais, ela deve proceder aos registros básicos dos mesmos: registro na Biblioteca Nacional e requisição do ISBN e código de barras. É uma garantia para o Autor.

Avaliação Literária

Trata-se da leitura completa da obra por pelo menos 03 (três) leitores-padrão, que julgarão os originais do ponto de vista literário, ou seja, se a obra poderá ser atraente ao público, se está tecnicamente correta, se está estruturada da maneira certa e se a idéia que iniciou todo o trabalho é efetivamente válida e boa. Esta etapa também inclui as análises do conflito-base, de seu desenvolvimento e solução.

Avaliação Mercadológica

É a pesquisa de mercado com o intuito de saber se o tema da obra a ser avaliada poderá de fato interessar ao público leitor ou não, a pesquisa do melhor “nicho de vendas” e o preço final de venda ao consumidor.

Revisões

Toda e qualquer obra deve ser revisada sob pelo menos três prismas: o ortográfico, o gramatical e o estilístico.

A revisão ortográfica, como o próprio nome diz, é a verificação da ortografia. Nela procuramos detectar os erros de escrita tais como acentos, dígrafos, ortografia de palavras e etc.

A revisão gramatical procura corrigir os erros de sintaxe, de concordância e outros vícios de linguagem comuns em quem fala ou escreve.

Já a revisão estilística tem por objetivo bem estruturar o texto, procurando o perfeito “casamento” dos plots, subplots e underplots de maneira a tornar a leitura agradável e atraente, ao mesmo tempo em que se preserve a boa linguagem e o correto raciocínio e desenvolvimento da obra em si.

Edição de Texto ou Copy Desk

Deixa o texto original em condições de ser publicado. O copidesquista trabalha o texto para verificar se há falhas na estrutura da obra, repetições ou inconsistências. Além disso, padroniza o material (normatizando referências, por exemplo, ou atribuindo peso aos títulos e subtítulos). Verifica a adequação lingüística, ortográfica, morfológica, sintática e semântica, além da revisão ortográfica e gramatical, por vezes fazendo observações quanto ao conteúdo do texto adequando-o às normas editoriais.

Projeto Editorial

Trata-se da formatação do Projeto Editorial do livro, projeto este que poderá ser apresentado a qualquer editor ou mesmo produtor cinematográfico ou dramatúrgico, obedecendo a normas internacionais. É a versão ampliada e especificada da Avaliação Literária e inclui os itens: Story line, Argumento, Localização no tempo e espaço, Análise de personagens, Análise de plots, underplots e subplots, análise de espaço mercadológico, avaliação de tiragem, custo gráfico e projeto de distribuição.

O Projeto Literário-Editorial é indispensável na captação de recursos através de Leis de Incentivo Cultural ou mesmo de patrocínios não vinculados a essas leis

Diagramação e projeto gráfico

É a etapa em que se começa a preparar o livro como ele deverá ser publicado. Observa-se a estética de cada página, a estética do livro como um todo e, principalmente, visa-se a facilitação de leitura da obra. Um livro em corpo 11 certamente será de leitura mais cansativa que um outro em corpo 12 ou 13, com exatamente o mesmo texto.

Formato impresso ou digital

É uma etapa de grande importância. As “orelhas” de um livro devem trazer não apenas uma resenha do mesmo e uma biografia reduzida do Autor, mas também devem fazer com que o leitor sinta algum estímulo para comprar o livro. O mesmo se deve dizer da 4ª capa, que nada mais é que uma propaganda do próprio livro e, assim sendo, deve conter uma justificativa para a criação e existência do mesmo.

Prova Gráfica

Depois de cumpridas as etapas anteriores, é necessário que o Autor avalie o resultado de todo esse esforço e dê o seu veredicto. Para tanto é elaborada uma prova gráfica do que será o livro quando pronto.

Capa e ilustrações de miolo

Com o miolo pronto, deve-se escolher a capa lembrando sempre que é esta que vai, de início, vender o livro. Infelizmente vivemos num país onde a cultura ainda se encontra de gatinhas e, portanto, o maior fator de estímulo à compra é exatamente a capa. Assim, esta deverá ser chamativa sem ser escandalosa. Quanto às ilustrações de miolo, obrigatórias em livros infantis, são facultativas e às vezes até mesmo indesejáveis em livros adultos. No caso de haver ilustrações coloridas, o custo de impressão das mesmas será calculado à parte, de acordo com a tiragem da obra.

Orelhas e quarta capa

É uma etapa de grande importância. As “orelhas” de um livro devem trazer não apenas uma resenha do mesmo e uma biografia reduzida do Autor, mas também devem fazer com que o leitor sinta algum estímulo para comprar o livro. O mesmo se deve dizer da 4ª capa, que nada mais é que uma propaganda do próprio livro e, assim sendo, deve conter uma justificativa para a criação e existência do mesmo.

Apresentação do Autor ou Prefácio

Trata-se, especialmente para os Autores que estão publicando pelas primeiras vezes, de uma justificação pessoal do Editor para a existência dessa obra. Porém, muitas vezes o próprio Autor redige a sua apresentação ou prefácio. Outras, ele pede ou contrata alguém que o faça. Quando tal não ocorrer, é facultativo ao Autor solicitar que a própria Editora se incumba dessa tarefa.

Impressão do Livro

Corrigida e aprovada a prova gráfica, o livro vai para a fase industrial, ou seja, para a impressão gráfica. A Editora procederá ao acompanhamento gráfico do livro desde o início até o final, garantindo a qualidade gráfica do trabalho.

Remessa dos livros

Prontos e acabados os livros, eles serão embalados em pacotes de 20 (vinte) exemplares cada um e o Autor deverá retirá-los na Editora.

Divulgação e Lançamento

Nesta etapa é realizada a divulgação do Autor e de sua obra para os meios de comunicação, em âmbito regional ou nacional, através de releases e de entrevistas com jornalistas, comunicadores e formadores de opinião.

Distribuição e Vendas

Após o lançamento, a Editora poderá orientar o Autor no que diz respeito à distribuição e comercialização de seu livro, indicando-lhe empresas distribuidoras e informando-lhe detalhes de negociação com as mesmas. A Editora, em hipótese alguma responsabilizar-se-á pela distribuição ou armazenamento dos livros.

Últimos metros

Para cruzar a linha de chegada e conquistar a melhor posição, contrate o agenciamento digital Web Startup.

SAIBA MAIS

Números da prova

Títulos do Acervo

Livros Editados

Livros Digitalizados

Capas de Livros

Autores Divulgados

Sites Desenvolvidos

Parceiros Editoriais